Mulher e criança baleadas durante execução em frente a creche em SC são mãe e filha; polícia descarta relação das vítimas com alvo

  • 04/03/2024
(Foto: Reprodução)
Ambas foram atingidas por balas perdidas durante acerto de conta de facções, informou a PM. Elas seguem hospitalizadas em Indaial. Movimentação em frente a creche em Indaial, SC, após assassinato de motorista A mulher de 45 anos e a criança de 3 anos que foram baleadas na manhã desta segunda-feira (4) durante o assassinato de um homem em frente a uma creche de Indaial, no Vale do Itajaí, em Santa Catarina, são mãe e filha, segundo a Polícia Militar. Elas não tinham relação com o homem executado e ambas foram atingidas nas pernas por balas perdidas, informou o comandante da PM, Mario Elias. "Infelizmente, foram atingidas por algum disparo que se perdeu", disse. Até 12h desta segunda, as duas seguiam no Hospital Beatriz Ramos. ✅Clique e siga o canal do g1 SC no WhatsApp O assassinato ocorreu perto das 7h45. De acordo com a Polícia Militar, o alvo dos criminosos dirigia um carro Renegade e parou em frente à creche onde deixaria a filha. Assim que a esposa dele e a filha desembarcaram do veículo, o homem foi executado por pessoas encapuzadas. Os familiares dele não foram feridos. A Polícia Civil abriu inquérito para investigar o crime. As forças de segurança descartaram qualquer tipo de ataque à creche. A Secretaria de Educação de Indaial cancelou as aulas na unidade nesta segunda e avalia a suspensão nos próximos dias. Assassinato O crime aconteceu próximo à Unidade de Educação Infantil Hilário Buzzarello, no bairro Tapajós. Informações preliminares da Polícia Militar (PM) detalham que o homem foi executado logo após deixar a filha na creche. Assim que a esposa e a criança deixaram o veículo, a dupla chegou atirando. O carro da vítima, um Renegade, foi alvo de ao menos 16 tiros. Polícia Militar isola área em Indaial Augusto Ittner/NSC Os criminosos chegaram em um veículo branco. A polícia fala em acerto de contas e declarou que a vítima era integrante de um grupo criminoso. “A informação que a gente tem é que o indivíduo que foi vítima hoje [segunda] deste atentado tem um histórico de envolvimento com o tráfico de drogas, inclusive tem mandado de prisão pelo crime de homicídio. Então ficou bem claro que é um fato relacionado com o passado dele, ele era claramente o alvo da situação, tanto é que ele foi alvejado por diversos disparos de arma de fogo”, relatou o tenente-coronel Mário Elias, comandante do 32º Batalhão da PM. Chegada do carro do Instituto Médico Legal (IML) no local do crime em Indaial (SC) Augusto Ittner/NSC Não há informações sobre os assassinos. Equipes da polícia fazem buscas na região e procuram câmeras de segurança do entorno para identificar os responsáveis pelos disparos. ✅Clique e siga o canal do g1 SC no WhatsApp VÍDEOS: mais assistidos do g1 SC nos últimos 7 dias

FONTE: https://g1.globo.com/sc/santa-catarina/noticia/2024/03/04/mulher-crianca-baleadas-execucao-creche-sc-mae-filha-nao-tinham-relacao-assassinado-pm.ghtml


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Anunciantes